A campanha de vacinação contra Influenza, mais conhecida como gripe, começa nesta segunda-feira (24), em Araripina. As vacinas estarão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), Estratégias de Saúde da Família (ESF) e no Centro de Saúde do município. A campanha vai até o dia 26 de maio e o dia de mobilização nacional está marcado para o dia 13 do próximo mês.

O público-alvo da campanha é formado pelas crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, mulheres que tiveram filhos recentemente e indivíduos maiores de 60 anos. Também devem ser imunizadas pessoas de 12 a 21 anos de idade que estão cumprindo medidas socioeducativas, população privada de liberdade.

Os funcionários do sistema prisional, bem como portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais devem ser imunizados. Os professores das redes pública e privada fazem parte da lista.

A vacina garante proteção contra três tipos de vírus (H1N1, H3N2 e B).

Influenza

A Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. É de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a se disseminar facilmente em epidemias sazonais.

A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém-condicionadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos e nariz.

Veja quem recebe a vacina:

  • Crianças de 6 meses a menores que 5 anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias)
  • Gestantes
  • Puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto)
  • Idosos (a partir de 60 anos)
  • Profissionais da saúde
  • Povos indígenas
  • Pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional
  • Portadores de doenças crônicas e outras doenças que comprometam a imunidade
  • Professores de escolas públicas ou privadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

limpar formulárioPostar Comentário